A pré-temporada do Arsenal até aqui

Getty Images
Getty Images

Começou


Cabelo preto, liso e suavemente repartido no meio. Um relógio preto no braço esquerdo e um jeito mais efusivo na hora de conversar com os atletas em campo. Estamos na pré-temporada europeia. O Arsenal joga e quem a gente vê no banco de reservas é Unai Emery, e não Arsène Wenger.


São 22 anos de diferença entre um e o outro. Menos tempo que o período em que o francês ficou por aqui. Quando ele chegou, em 1996, Emery tinha 25 anos e era meio-campista da Real Sociedad.


Enquanto o espanhol não conseguiu sucesso na carreira de jogador, o mais experiente mudou o patamar de um time e uma liga.


Hoje, Wenger descansa e pensa se, daqui alguns meses ou anos, voltará a trabalhar. Enquanto o mais jovem tem a missão de mudar o patamar de um time - mas não de uma liga.


A Era Emery teve início, assim como a temporada 2018/19. Dúvidas surgiram desde o anúncio e algumas parecem ter sido sanadas nas últimas semanas. Outras ainda não.


Ao contrário de outras equipes da Premier League, o Arsenal não teve tantas ausências por conta da Copa do Mundo. Felizmente ou não, jogadores como Ramsey, Lacazette, Aubameyang, Mkhitaryan, Bellerín e Cech não disputaram o mundial e estão, desde a volta oficial das férias, à disposição do novo comandante.


O clube manteve alguns funcionários que trabalharam com Wenger, mas dispensou outros. Emery também trouxe pessoas de sua confiança e armou todo o corpo técnico necessário.


Não há como imaginar um início de trabalho tão bom. A começar pela estreia.


Getty Images
Getty Images

Unai Emery adotou o esquema 4-2-3-1 nos amistosos que fez até aqui


Arsenal 8x0 Boreham Wood


Em Meadow Park, no norte de Londres, o time fez o seu primeiro amistoso. Diante do pequeno Boreham Wood, da quinta divisão do campeonato inglês, o Arsenal venceu por 8 a 0, sem dificuldade alguma. O técnico, inclusive, fez valer o elenco "quase completo" e escalou nomes importantes, como Aubameyang e Lacazette.


Atuando no tão conhecido 4-2-3-1, Emery entrou com Cech no gol; Hector Bellerin, Sokratis, Mavropanos e Osei-Tutu na linha de defesa; os jovens Maitland-Niles, Joe Willock e Smith-Rowe no meio campo; com Reiss Nelson e Aubameyang pelos lados e Lacazette no comando de ataque.


Foi um passeio e, aberto na esquerda, Auba deitou e rolou. Foi dele, inclusive, o primeiro gol da Era Emery. Chute lindo de fora da área e no ângulo do goleiro. Niles e Smith-Rowe também tiveram atuações destacáveis, principalmente o segundo, que havia sido promovido por Emery para o time principal na semana anterior à partida.


Destaque também para Sokratis, que estreou bem. Mostrou postura de liderança e apesar de enfrentar atletas extremamente fracos, passou confiança ao lado do compatriota Mavropanos, que, senhoras e senhores, tem tudo para ser um baita zagueiro.


Guendouzi também estreou e, no pouco tempo que teve em campo, mostrou tranquilidade com a bola no pé.


Algo que também vale ressaltar é a atuação de Lacazette e Aubameyang. Havia muita dúvida em relação aos dois jogarem juntos ou não e Emery parece estar disposto a bancar isso. Abriu mão de ter Auba enfiado, é claro, mas o gabonês se mostrou confortável atuando na ponta. Talvez a compensação tenha sido ser nomeado o cobrador oficial de pênaltis do time, que antes era Laca.


Bom para o Arsenal e sua torcida, que deve ver os dois principais atacantes da Premier League atuando lado a lado.


Aubameyang (3), Reiss Nelson, Lacazette, Nketiah, Jeff Reine-Adelaïde e Mkhitaryan marcaram os gols da partida.



Outra goleada e derrota para o Brentford


Após a goleada em cima do Boreham Wood, foi a vez do Crawley Town, da quarta divisão, ser a vítima da vez.


Em um jogo de portões fechados, o Arsenal venceu por 9 a 0. Lucas Perez (2), Lacazette (2), Reine-Adelaide, Aubameyang, Mkhitaryan, Nelson e Nketiah marcaram. O jogo marcou a estreia de Bernd Leno como titular, que deverá ser o titular do time na temporada.


Um dia depois, o Arsenal fez outro amistoso restrito. Desta vez contra o Brentford, que disputa a segunda divisão na Inglaterra. O resultado, porém, foi ruim. Com falha de Leno, o time foi derrotado por 2 a 1. Aubameyang foi às redes.


Tour de amistosos


Passado os amistosos íntimos, agora é pra valer. Já com os atletas eliminados na fase de grupos da Copa do Mundo, como Özil, Iwobi e Elneny, à disposição, o Arsenal viajou para Singapura, onde fará dois amistosos pela International Champions Cup. O primeiro, na quinta-feira (26), às 08h35 (horário de Brasília), contra o Atlético de Madrid. Dois dias depois, no mesmo horário, diante do Paris Saint-Germain.


Depois disso, a delegação segue para Dublin, onde medirá forças com o Chelsea, no dia 1º de agosto. Após isso, no dia 4, em Estocolmo, é a vez de duelar contra a Lazio.


A estreia da equipe na Premier League acontece no dia 12 de agosto, contra o Manchester City, no Emirates Stadium.