Vexame histórico: melhor cair diante da Roma do que ser humilhado pelo Real Madrid

A pior partida do Barcelona que eu já vi em Champions League e um vexame histórico diante de um adversário fraquíssimo. A Roma fez 3 a 0 com tranquilidade, sem fazer pressão e com apenas uma arma: um grande pivô (e nada mais).

Assim o Barça caiu, assim o Barça foi humilhado na Itália.

A escalação com Sergi Roberto mais uma vez não funcionou. O já não tão jovem pipocou, mas, pior que ele, foi Iniesta. O veterano ídolo espanhol encerrou de vez o seu ciclo no clube catalão. O camisa 8 não aguenta mais o ritmo da fase de mata-matas da Champions e deixou seu amado clube com um jogador a menos.


getty images
getty images

O segundo gol da Roma contra um Barça morto


Umtiti também esteve péssimo - ele e Semedo. Apenas Piqué se salvou, mesmo tendo cometido a penalidade do segundo gol.

Messi foi outro praticamente nulo. Já está claro que, perto dos 31 anos, Lionel Messi não pode mais jogar com apenas 1 jogador à sua frente, o argentino precisa de companhia, precisa de opções para abrir espaços. Suárez isolado lá na frente foi presa fácil e se Messi encosta na frente, ninguém faz o papel do argentino no meio.

O lenga lenga de trocas de passes ineficientes na defesa enojava, não servia para nada. A Roma logo pressionava, esperava o chutão de Stegen e assim voltava atacar, quase sempre com cruzamentos na área. Nada de novo, nada de grande qualidade, mas suficiente para enterrar um Barcelona que jogou uma semifinal certa no lixo.


getty images
getty images

Esta frágil Roma humilhou o Barcelona


O pior de tudo é que, enquanto tudo desmoronava, Valverde só observava, não mexia no time. A necessidade de força e de sangue novo era evidente e, com Paulinho no banco, o treinador só ajudou a Roma.

Um time como o Barcelona querer começar a jogar depois de sofrer o terceiro gol e faltando apenas 10 minutos, chega a ser absurdo e até constrangedor.

Essa eliminação não tem perdão.

Gols sofridos de maneira besta estragaram todos os sonhos. Agora o campeonato espanhol e a Copa do Rei só terão algum valor se o Real Madrid não conquistar o provável tri campeonato da Liga dos Campeões. E pensando bem, é bom a torcida do Barça agradecer tamanha vergonha neste momento, pois, desse jeito, em um possível confronto adiante contra o Real Madrid, seria ainda mais catastrófico.

O que fazer agora? Chorar, chorar e esperar a temporada 2018/2019 com um quadrado formado por Messi, Coutinho, Suárez e Griezmann. 

Curta a página Barcelonizando no Facebook