Boca 0-2 Palmeiras: resultado normal

O título se resume a isso, normalidade. O Palmeiras tem hoje o elenco mais caro do continente, com um ótimo financiamento da Crefisa - o que faz do clube verde a maior potência da Libertadores. Dito isso, o que aconteceu ontem não é algo relevante a ponto de ser considerado épico, como alguns estão dizendo. Em 2012, por exemplo, o Fluminense que contava com um timaço e jogadores do calibre de Fred e Deco, venceu o Boca em La Bombonera. Depois o Boca até chegou na final. E eliminando aquele mesmo Flu nas quartas.


O Palmeiras fez um jogo correto. Mas também é verdade que conseguiu dois gols por falhas individuais do Boca. Jara no primeiro gol e Rossi no segundo. Lucas Lima saiu de campo com destaque, mas se escondeu o jogo todo. É como se o final do filme fosse diferente de todo o roteiro. Wanchope perdeu um gol feito, Pavón rossou a bola no travessão e Jailson fez um milagre. Ainda assim, o resultado é normal.


E não venham com essas de que estádio ganha ou não jogo. O Boca já fez 133 jogos de Libertadores em La Bombonera. Perdeu apenas 13. São sim números impressionantes. Mas não serve pra ganhar na véspera.


E o resultado não é apenas normal por todo o investimento que o Palmeiras fez. O Boca jogou sem Goltz, Fabra, Barrios, Gago, Cardona e Benedetto. Ou seja, 6 jogadores que antes de suas lesões eram titulares. Isso faz diferença no 11 inicial e nas mudanças durante o jogo.


Prensa Boca Juniors
Prensa Boca Juniors

Derrota pode custar caro: Boca tem grande chance de ser eliminado


Apesar de uma derrota nestas circunstâncias ser normal, o problema está nos outros adversários. Passar em primeiro ou em segundo, tanto faz. Mas o Boca terá que vencer o Junior em Barranquilla para depender só de si na útlima rodada. Um desses jogos com 30 graus e 90% de humidade. Dificílimo, pois o Junior é um bom time. Isso porque os colombianos devem vencer os peruanos do Alianza Lima hoje. O Boca empatou na estréia jogando no Peru e não ganhou um ponto, perdeu dois, como a tabela nos mostra.


Pela primeira vez, em muito tempo, não sei se o Boca vai conseguir se classificar para as oitavas. Acho que seria bastante normal que fique em 3º e seja empurrado para a Sudamericana.


Não é nada do que esperávamos. É uma situação terrível. Mas o resultado de ontem é absolutamente normal.