Uma festa maravilhosa estragada pela arbitragem

O Corinthians fez o que precisou para manter o sonho do título vivo. Foi inteligente, marcou bem e fez os dois gols que precisava no ataque. Pena que as decisões do juíz estragaram com a festa linda que se construiu na Arena.


A região de Itaquera estava diferente nesta quarta-feira. A emoção de ver o Corinthians na final reuniu muita gente em torno do estádio para comemorar. Um misto de tensão e alegria fez com que ninguém se calasse nem por um minuto. O primeiro gol do Cruzeiro passou despercebido, já que a Arena não se abalou.


Reprodução Youtube / Rede Globo
Reprodução Youtube / Rede Globo

Ralf é tocado na área por Thiago Neves em lance passível da marcação do pênalti


No segundo tempo, o mesmo clima. O time jogado para cima do Cruzeiro, à procura do espaço mínimo para criar, e criou. Com Ralf, na área, driblou o zagueiro e sofreu o toque. Lance revisto pelo VAR, e acertado pelo juíz. Impedimento do avanço da jogada contra o adversário, dentro da área, é pênalti. Lance interpretável, que no meu ver, não é nenhum absurdo de ser marcado. 


Divulgação
Divulgação

Pedrinho fez belo gol que classificava o Timão, mas lamentou já que teve seu gol anulado pelo árbitro


Pedrinho entrou e mostrou mais uma vez o brilho que tem. Acertou um golaço de muito longe, inflamou na Arena e mantinha vivo o sonho do título. Aí entrou cena o vilão da história. Wagner do Nascimento Magalhães chamou o árbitro de vídeo e apagou uma história linda. O toque que viu de Jadson em Dedé é coisa de jogo, no peito. Diferente do que o medíocre jogador simulou. O uso do auxílio de vídeo, mais uma vez, foi equivocado. Lance simples.


Não adianta termos VAR quando as decisões ainda são tomadas pelos péssimos árbitros brasileiros. É inadmissível um produto tão caro ser controlado por amadores. Triste para eles, que não puderam ver uma festa daquelas completa. Agora em diante o Corinthians se reconstrói, mais uma vez, como sempre fazemos.


NÃO PERCA OS TEXTOS DO CORINTHIANS, SIGA NO INSTAGRAM!




 

 

 


View this post on Instagram


“Uma festa linda estragada pela arbitragem” - link na bio!


A post shared by Epidemia Corinthiana - Blog (@epidemia_blog) on