Troca de Vidal por Hernández seria estupidez

A pouco mais de duas semanas do fechamento da janela de transferências, a especulação envolvendo Arturo Vidal tomou outra proporção: o Manchester United teria oferecido 50 milhões de libras pelo chileno e Javier Hernández. 


Getty Images
Getty Images

Chicharito marcou na vitória por 3 a 1 sobre o Real, na pré-temporada nos EUA


Analisando pelo lado do clube inglês, é óbvio que investir no único meio-campista que fez tudo nas últimas duas temporadas tem lógica. Vidal marca, dá assistência e marca gols. Só que ele vale 50 milhões de libras depois de ter contratado Ander Herrera junto ao Athletic Bilbao por 30 mi? 


Vidal não tem a ver com isso, pois teria espaço no time titular, mas como ficariam Fellaini, Carrick, Cleverley, Kagawa, Mata e o vice-capitão Fletcher? Sobraria para algum (ou alguns) deles. Um clube não contrata alguém por essa quantidade de dinheiro para deixá-lo como suplente. Pogba deixou o Manchester exatamente pela falta de espaço. 


Chicharito entraria numa fria com uma mudança para Turim. Allegri, pelo menos no início da temporada, vai manter a Juventus no 3-5-2, com Llorente e Tévez no ataque. Morata se machucou no mês passado, porém tem retorno programado para o início de setembro. Tem pela frente mais algumas semanas de recuperação. 


O atacante que veio do Real Madrid foi contratado para jogar mais, basicamente. Há uma chance enorme de Morata ser o reserva imediato dos jogadores de ataque, deixando Giovinco para trás. Hernández, suplente na Inglaterra, estaria disposto mudar de camisa, vestir preto e branco e continuar esperando por minutos no segundo tempo?


Se a Juventus quer um atacante para entrar no decorrer das partidas, que procure, então, alguém com essas características - como Germán Denis, autor de 44 gols nas últimas três temporadas pela Atalanta.