Juventus precisa manter Pogba a qualquer custo

Pogba é visto em Londres a quatro quadras de Stamford Bridge. Ele vai fechar com o Chelsea. Clube inglês oferece 40 milhões de libras, Ramires e Schürrle pelo meio-campista.


Pogba aproveita dia de folga para visitar Madri e aumenta boatos sobre especulação. Real deseja a contratação do jogador.


Em férias, Pogba visita Rio de Janeiro; Nova Iguaçu negocia com a Juventus.


Palmeiras tenta dar chapéu em Manchester United para contratar Pogba.


O ano de 2015 tem sido ótimo para o jovem francês apelidado de Polvo por conta das longas pernas. No mês de janeiro, Pogba não decidiu somente contra a Inter. Ele marcou o primeiro gol contra o Napoli, fora de casa, na semana seguinte. O meio-campista fez outros dois contra o Verona, em partidas válidas pela Serie A e Coppa Italia. No último domingo, balançou a rede novamente; ele não fez dois ante o Chievo porque o goleiro Alberto Bizzarri não deixou.



As especulações com Pogba não param. Uma hora é Inglaterra; noutra, Espanha. Daqui a pouco será o Guangzhou Evergrande ou Shandong Luneng. Pogba é o jogador-desejo de nove em cada dez clubes na Europa - porque sempre tem um que faz desfeita.


Melhor jogador jovem da Copa do Mundo de 2014 e concorrente a Bola de Ouro, o meio-campista é concorrido por outrem desde que chegou em Turim. A valorização salarial aconteceu somente em outubro do ano passado, quando a Juventus triplicou os honorários de Pogba até 2019. 


A grande questão é Mino Raiola. O agente tem contatos no clube, gerenciou a carreira de Pavel Nedved quando jogador e articulou a transferência de Zlatan Ibrahimovic ao time há 11 anos. Raiola agencia Mkhitaryan, Balotelli, Matuidi, Lukaku, Romero, Kasami, entre outros, mas sabe que o Polvo é o grande atleta dele. Ele chegou a comparar Pogba com Monet, Dali e Da Vinci e jura que o francês vale o dobro de Gareth Bale.


Na última semana, o empresário participou de um programa na emissora Mediaset e declarou que a liga não consegue segurar Pogba por muito tempo. "Nesse ano ou no próximo, quando o momento certo chegar, nós vamos sair". Ficou claro: o agente manda e o cliente obedece. A declaração é fortíssima para um clube que, mesmo reestruturado, modificou o estilo de jogo para acomodar um pós-adolescente então com 20 anos. Para a Juventus, Pogba é presente e futuro. Para Raiola, o dinheiro de uma transferência do jogador é presente e futuro - 90 milhões de euros, dizem.


Nenhum jogador é inegociável. Barcelona vendeu Diego Maradona, Atlético de Madrid mandou Fernando Torres à Inglaterra, Manchester United disse adeus a Cristiano Ronaldo e a própria Juventus negociou Zinedine Zidane. Há pouco menos de uma década que a Serie A deixou de ser um destino final para um atleta (como bem falou o presidente bianconero, Andrea Agnelli, em 2013) para ajudar apenas no desenvolvimento do jogador. A liga italiana é transitória.


Getty Images
Getty Images

Pogboom: basta chutar de fora da área para marcar gol


Pogba ou Vidal?


O chileno deitou e rolou durante as últimas três temporadas. A lesão no joelho antes do Mundial no Brasil, porém, afetou o futebol dele. Mesmo assim, Vidal é (e precisa ser) titular da Juve até o fim da temporada. Ele ainda é bem superior a Pereyra. Marchisio é outra história. A venda do jogador em 2015-16, contudo, é válida.


A Senhora tem recebido cada vez mais dinheiro - bônus de competições, arrecadação do estádio, patrocinadores (Adidas pagando mais que a rival Nike para fornecer camisas) e cotas de TV. A ausência de Napoli e Roma na Liga dos Campeões faz com que a Juve seja beneficiada com, pelo menos, 60 milhões de euros - explicado aqui.


Economicamente a Juventus não é fraca. Se existe um clube que possa prender um atleta na Itália, este é o bianconero. E, se precisar, a Vecchia Signora necessita criar mecanismos para manter Pogba. Uma saída de Vidal? Talvez. Saída de Tévez? Também. De certo, até o momento, o jogador está (muito) feliz em Turim. Ele, e somente ele, decidirá se deseja sair do clube.


É mais simples decidir pela permanência se nenhuma proposta for encaminhada por Raiola. A Juventus precisa convencer o agente que o próximo verão ainda não é o momento exato para Pogba sair. Nem o próximo inverno. Nem daqui seis verões.