Mourinho deve ir atrás de Fred ou Milinkovic-Savic?

No texto sobre a aposentadoria de Michael Carrick, lembrei do cenário encontrado pelo mesmo quando contratado junto ao Tottenham. Roy Keane havia deixado o clube e existia o risco de uma crise no meio-campo, considerando também que Scholes ficou meses sem atuar. A adaptação do agora ex-jogador foi a melhor possível e fundamental para engatar uma sequência de alto rendimento e títulos importantes. Após a saída de Ferguson, vivemos o mesmo dilema e não demoramos para descobrir que Schneiderlin e Herrera não eram a resposta.


ESPN.com.br | Manchester United busca contratações de Willian, do Chelsea, e Alderweireld, do Tottenham


Considero as aquisições de Pogba e Matic um sucesso, apesar de aparecerem de formas distintas e - principalmente o francês - deixarem a desejar em alguns aspectos. Visando a temporada de 18/19, está claro que Mourinho vai atrás de pelo menos um reforço para a posição (acredito que cheguem dois) e boas opções não faltam. Alguns jornais reportam que Fred, convocado por Tite para a Copa do Mundo, já estaria negociando detalhes do seu contrato com o United e um acerto estaria próximo.


Getty Images
Getty Images

Assim como Douglas Costa, Fred deve se tornar mais um brasileiro a fazer o caminho Porto Alegre -> Shakhtar -> Seleção -> Liga importante da Europa


O brasileiro também é alvo de longa data do Manchester City e Guardiola tentou sua contratação em janeiro, sendo barrado pela opção do Shakhtar em mantê-lo. O torneio mundial certamente elevará o seu valor, assim como pode acontecer com um rival na fase de grupos, Milinkovic-Savic. O sérvio está no radar de grandes europeus e impressiona por sua chegada no campo ofensivo, abusando de sua técnica e porte físico.


Com 1,91m, é o líder da Serie A em duelos aéreos desde 16/17 e costuma marcar de fora da área até com certa regularidade. Tem no seu corpo um aliado fundamental, mas passa longe da definição única de atleta 'forte e potente'. Na verdade, Sergej tem habilidade de sobra e no início da carreira era um playmaker. Algo ótimo para seu currículo (como sabemos, o preço sobe conforme sua zona de atuação se aproxima do gol adversário), mas que pode lhe deixar em desvantagem na nossa ordem de preferência.



Curta o Old Trafford Brasil no Facebook



Seu perfil é muito semelhante ao de Pogba, o que possivelmente causaria mais confusão nesse time desajeitado e/ou um tempo maior de adaptação. Seu 'concorrente', por sua vez, se encaixaria no buraco que está aberto entre os dois titulares absolutos. Fred também surgiu como um armador de chegada na frente, marcando gols no Brasileirão, mas seu desenvolvimento na Ucrânia o transformou em uma peça diferente.


Getty Images
Getty Images

'O sargento', Savic é um jogador espetacular e seria uma boa contratação, mas talvez não seja o que o United precise


Sobretudo desde que Paulo Fonseca assumiu o comando do Donetsk em maio de 2016, implantando uma estratégia baseada em posse, posicionamento inteligente entre as linhas e pressão alta. O camisa 8 se destaca dentro desses três elementos. Sendo um meia central à direita de Stepanenko, seu papel é o de controlar o ritmo entre defesa-ataque e 'limpar' o jogo sempre que possível. Entre as ondas de marcação oponentes, seu impacto é maior no passe do que na recepção.


O ex-Internacional se caracterizou pela capacidade de escolher como - e pra onde - distribuir a bola. Esse fator fica ainda mais impressionante se exibido em partidas de Champions League contra um dos melhores times do mundo, como podemos observar no vídeo abaixo. A respeito do pressing, sua energia faz com que consiga sufocar adversários em qualquer zona do gramado, mas esse não é o ponto destacável. O diferencial está quando ele é o alvo da pressão, demonstrando frieza e encontrando soluções variadas.



Toda essa organização não se dá com a presença fixa em algum setor, mas sim acompanhada de movimentação constante. Com agilidade para se portar diante de várias situações, o raio de ação do brasileiro vai longe. Entretanto, na maior parte do tempo cai mais pra direita e consegue se aproveitar do fato de estar 'invertido'. Sendo canhoto, costuma lançar bolas na diagonal para quem estiver infiltrando por trás da defesa. É uma carta na manga além do seu futebol controlado.


Considerando que Pogba é destro, cai mais pra esquerda e gosta de usar o mesmo tipo de jogada, ganharíamos força no repertório de criação. Mesmo que, fundamentalmente, sua chegada representaria um alívio um pouco mais atrás. Com 1,69m, não é surpresa que uma de suas fraquezas esteja nos duelos aéreos; é provavelmente o único aspecto negativo que pode pesar no julgamento da comissão, já que os outros não são tão gritantes.


Se trata de um jogador com problemas de disciplina - são 14 cartões amarelos em 39 aparições, contra 6 em 46 de Matic, por exemplo -, mas seu rendimento defensivo vai apenas agradar Mourinho. Sem a bola, o Shakhtar marca em zona dentro de uma estrutura posicional, mas seus botes (e os números supracitados) representam uma tendência em agredir o portador da bola com a convicção de que conquistará um contragolpe.


Getty Images
Getty Images

O brasileiro se destaca por ser consistente atacando, controlando e defendendo. Inclusive nos jogos grandes


Por ser ágil e combativo, seu desempenho no 1v1 é ótimo e registra média maior de desarmes (2.9) em comparação com todos os nossos meias (Herrera, 2.2; Matic, 1,9; Pogba, 1.2; Fellaini, 0.9) e algumas referências da Premier League (Fernandinho, 1.8). Só perde para Ndidi, Gueye, Kanté e Hogg. Nada mal para um meio campista habilidoso, técnico e responsável pela articulação vindo de trás, né? É seguro dizer que ele sabe pegar na bola, seja para produzir alguma coisa ou impedir o adversário.


No cara a cara com Milinkovic-Savic, vejo o sérvio com um futuro mais impressionante em termos de produtividade ofensiva; consequentemente, poderá ser visto como o melhor jogador. Mas levando em conta função, encaixe e consistência, fico com Fred. Ainda estamos em fase de especulação e todos já sabem como funciona a gangorra de expectativas na janela de transferências, mas me animo com o brasileiro. E vocês?