Mais um empate, mais uma decepção. O tempo joga contra o Milan

Tem um pedaço de uma música famosinha por ter sido tema de uma série meio desconhecida que descreve a sensação dos milanistas. A letra diz que parece estarmos presos na segunda marcha quando você não está em um dia, semana mês ou mesmo ano favorável.


Outro comediante sensacional traz um explicação bem visual do momento do Diavolo. Em uma pacata cidade do interior, ele fica preso vivendo no mesmo dia sem qualquer esperança de mudança nesse panorama até se tornar uma pessoa melhor.


A verdade é que para quem (novamente) começou a temporada prometendo bolo de cenoura com cobertura de chocolate, o Milan vem entregando a seus torcedores uma bela rabanada de forno feita com adoçante, insossa, sem graça, sem emoção e, principalmente, sem dizer ao que veio. E como esperado já começaram a voar as primeiras críticas ao trabalho de Gattuso, algumas com sua razão e outras totalmente descabidas.


Getty Images
Getty Images

Desgraça de goleiro, desgraça de falta de pontaria do Kessié


Claro que empatar com o todo poderoso Empoli deixa qualquer um sem vontade de cantar uma bela canção, ainda mais depois de ver a vitória escapar por entre os dedos por conta de uma falha individual. Contudo, dizer que dessa vez o time jogou mal é um exagero daqueles inexplicáveis a meu ver. Quem conseguiu assistir a partida viu um Milan decidido e que criou muitas oportunidades claras de anotar mais gols no placar, principalmente com Kessié, e foi impedido por uma atuação angelical - já que não pode ser infernal ou de encapetado pois o capeta é nosso amigo - do arqueiro Terracciano que efetuou 11 defesas na partida, sendo que 3 delas foram consideradas decisivas pela Lega Serie A. A falta de gols, a pontaria de Sr. Magoo ou o nervosismo na hora de finalizar para as redes não pode ser imputada ao técnico. Assim como a falta de imaginação de Hakan ou Suso na hora de criar jogadas também não são culpa de Gattuso.


Contudo, alguns problemas podem sim ser colocados na conta de Gattuso. A escalação de Borini como falso 9 ter dado mais errado que o meu feijão era mais do que esperado, já que Fabio é praticamente um falso jogador. A falta de variação tática, mesmo tendo opções no banco de reservas, bem como a demora excessiva nas substituições - sendo a primeira feita apenas aos 73 minutos de jogo quando a vaca já se encaminhava tranquilamente para o brejo - também são defeitos graves que Gattuso precisa corrigir, isso sem falar na defesa que temporada passada era invejável e agora já levou 8 gols em 6 partidas, sendo que 7 desses foram sofridos na segunda etapa da partida.


Getty Images
Getty Images

Levanta a cabeça e vamos trabalhar, capitão


Acredito que para um time que vá disputar a 4ª colocação na tabela, o Milan ainda está na fase de patinar um pouco nos resultados e o treinador ainda pode trabalhar com uma pressão moderada em seus ombros. A questão é que a partir da 8, 9ª rodada da Serie A, caso o capeta não embale em uma série de resultados positivos, como vitória sobre o Chievo e um empate contra Inter, a possibilidade de reverter uma situação negativa fica mais complicada, e a  paciência tanto dos torcedores quanto da Diretoria pode não ser tão elástica assim.


- Curtinhas - 


Assim como o time principal, o Milan Primavera abriu o placar contra a Juventus Primavera e terminou a partida derrotado por 4 a 3 no campeonato nacional.


Cutrone e Higuaín ainda são dúvida para a partida contra o Sassuolo neste domingo. Em outra região da Europa, em notícia totalmente desconexa, André Silva é o artilheiro do Campeonato Espanhol.


Todos nós nos empolgamos com o calciomercato do Milan outra vez, contudo, agora começam a aparecer os problemas e as falhas dessa primeira fase da gestão de Leonardo.


Finalmente Donnarumma fez uma partida digna do salário que exigiu.