O árbitro é o 12º juventino em campo

Atenção: Estou ciente de que por diversas vezes, tanto Milan quanto Internazionale foram favorecidos pela arbitragem. E isso acontece por serem grandes clubes e, sinceramente, continuará acontecendo.


Não falha. Me diga um jogo onde a Juventus esteve, na Serie A, e não houve uma arbitragem marota, que ajudou o time do Marotta a vencer ou empatar. Qualquer pessoa que acompanha com um pouco mais de atenção sabe que, com a Juve em campo, é questão de tempo para que haja a cirurgia sem anestesia.


O último e vergonhoso episódio, na partida contra a Roma, ilustrou isso muito bem. O primeiro pênalti, quando a bola bate no braço do Maicon, é até discutível, e arbitragem não precisa mais do que isso para, nas palavras de Francesco Totti, na dúvida, pênalti para a Juventus. Agora, o segundo foi ridículo, quer dizer, deixe me ser mais claro, R-I-D-Í-C-U-L-O.


Getty Images
Getty Images

Relaxa, Totti, que dói menos


Aliás, tão escroto que gerou o afastamento do árbitro Gianluca Rocchi dos apitos.


A arbitragem na bota, assim como no Brasil, é de um nível baixíssimo e nem a inclusão dos arbitros adicionais ajudaram, tanto lá quanto cá. Mas é incrível como na dúvida é gol da Juventus, é penal da Juventus ou, como o célebre episódio, não é gol contra a Juventus. O Muntari que o diga.


Leia mais: Nedved, Totti e o clássico que nunca vai acabar


A comprovação destas afirmações é justamente a Champions League. Como explicar a performance tão abaixo do esperado do melhor time disparado da Itália. Ah, a falta de uma arbitragem caseira.


Novamente, tenho certeza absoluta que o Milan já foi favorecido uma porção de vezes na Serie A. E, outra coisa, que a Juventus tem 32 títulos também é inegável, mas, vamos lá, se você discorda de mim, penalti para a Juventus.


- Espaço reservado para as cornetadas do Moraes ==<O #Fuééé -


O Milan entrega Jack Bonaventura inteirinho a Nazionale e recebe o jogador contundido, cortado e substituído por (supresa, supresa) um juventino. Boa, Conte, investindo na juventude.