Notícias do front rossonero

Espremido ali entre duas semifinais de Champions League e da Europa League, a queda ridícula do Boateng, a genialidade do Messi, os playoffs da NBA e as oitavas de final da Libertadores da América, escondidinho no fundo da gaveta da geladeira ao lado da metade do sanduíche de pernil e resto de refrigerante sem gás. Achou? Então, aquele ali é o Milan.


Com a Juventus já merecidamente tetracampeã, Roma e Lazio se matando pelas vagas na UCL da temporada que vem, Napoli já com a vaga na UEL garantida e Fiorentina, Sampdoria, Genoa e Internazionale lutando de foice no escuro pelas últimas vagas nas competições europeias, o que sobrou para falar do Milan? Bem, umas ligeiras observações sobre o futuro são válidas.


Quando o assunto é novidades para dentro das quatro linhas, a coisa desanda um pouco. Seguindo aquela vibe do "bateu saudades", quem voltou a ter seu nome sussurrado em Milanello foi o velho conhecido Zlatan Ibrahimovic. Além dele, os argentinos Dybala e Franco Vázquez, ambos do Palermo, foram outros jogadores que foram citados como possíveis alvos nesse calciomercato de verão.


Getty Images
Getty Images

Pode voltar, seu Ibra. A gente te dá a #10


Parece que a venda da sociedade está com problemas para acontecer. No português, rolou uma treta. Como o abelhudo Bee Taechaubol ainda não é, de fato, sócio de Berlusconi, um grupo de investidores chineses ainda está oferecendo uma grana pesada pelo controle acionário do Clube, condição que Silvio Berlusca não está disposto a aceitar.


Para a temporada que vem, os técnicos especulados são Carlo Ancelotti, Antonio Conte, Unai Emery, Vincenzo Montella, Sinisa Mihajilovic e Jorge Jesus. Todos, sem exceção, são ótimos treinadores e provaram isso nas últimas temporadas. Contudo, não acho que Jorge Jesus ou Mihajilovic sejam os mais indicados, por pura falta de cojones, e, como já deixei bem claro, não gosto nem um pouco da possibilidade de ver Antonio Conte comandando o Milan.


A torcidade rossonera, que não é boba nem nada, já pede que, na próxima temporada, o goleiro Diego Lopez seja o capitão do time. Honestamente, não há jogador mais indicado, pois o semideus espanhol é, de muito longe para c*aralho, o melhor jogador dessa temporada no Milan.