Santos é amassado pelo Ceará, chega a 9 jogos sem vitória e perspectivas seguem péssimas

Muita gente achou que o Santos foi 'injustiçado' quando chutou mais de 30 vezes ao gol do América-MG e mesmo assim perdeu. O que pensam estes, portanto, quando veem que o Ceará finalizou mais de 20 vezes na noite da última quarta-feira (8), enquanto o Santos chutou menos de 10, e mesmo assim o placar final foi um empate?


O Santos ficou no 1 a 1 com o Ceará, foi amassado o jogo inteiro, chegou a 9 (NOVE) jogos sem uma vitória sequer e as perspectivas seguem péssimas.


Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC
Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

Cuca chegou errando mais que acertando. É verdade e mesmo que seja chato falar tão cedo... Bem, é o que está acontecendo


E elas seguem assim porque Cuca... Calma, deixa eu respirar. Cuca chegou a seu terceiro jogo como técnico do Santos e, claro, esse é um número baixo. Mas são três jogos não só sem vencer, mas sem apresentar a menor chance de vencer.


Não teve chance contra o Cruzeiro, contou com a boa vontade do árbitro contra o Botafogo e foi dominado de forma constrangedora pelo Ceará.


Claro, ele chegou há pouco e ainda está tentando entender o elenco. Mas comete erros, sim, que causam esse futebol constrangedor que vimos no estádio Presidente Vargas.


Por exemplo: Cuca insiste em colocar Rodrygo na direita, matando o futebol do moleque. Ele fez absolutamente nada contra o Ceará porque não é ali, na ponta direita, que ele deve estar. "Ah, mas isso ajuda o Victor Ferraz". Ajuda no quê? A ele ser inútil como foi em Fortaleza? Porque eu vi ele chegando exatas zero vezes a linha de fundo - já se enrolando com a bola vi diversas vezes.


Bruno Henrique, que em 2017 já errava 10 lances para acertar um, agora erra 25 e acerta zero. Ou erra depois de acertar... Como no lance em que recebe passe primoroso de Carlos Sánchez, mas domina para trás, perde a chance de sair livre na frente do goleiro, ainda arruma o corpo... Mas toca em cima do goleiro, que coloca para escanteio. 


E a aposta em Yuri Alberto? O garoto tem 17 anos e não vou crucificá-lo de maneira alguma, mas ele não é Rodrygo. Yuri no banco e entrando às vezes, tudo bem. Mas colocá-lo como titular, ele ir mal e em 45 minutos queimá-lo, colocando de volta Gabriel? Cuca errou e feio.


Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC
Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

Comentário rápido sobre Vanderlei: se não fosse ele, era Ceará 7 x 1 Santos


E a insistência em Alison? O volante é carismático, mostra vontade, corre... Mas se posiciona mal, toma cartão a rodo, por correr para ocupar espaços que não são seus deixa outros abertos... E sempre sobra para Pituca, substituído mesmo jogando melhor há meses.


E Sanchez como meia armador único e colocado na direita? O Santos jogou com uma linha de Ferraz-Sanchez-Rodrygo, enquanto o meio seguia vazio. O uruguaio, obviamente, saiu exausto no segundo tempo.


A lista pode ser maior. Cuca chegou errando e isso é tradicional do técnico. Como também é ele não gostar de estrangeiros...


Enfim, este blog é, sempre foi e sempre será a favor de técnicos gringos. Cuca, como todo brasileiro, chegou mais errando do que acertando. Mas tentarei dar tempo ao tempo... O problema é: se o tempo for longo, pode levar à Série B.