Vexame histórico do Sevilla na estreia de Montella em casa

Getty Images
Getty Images

Escudero lamenta: jogo será lembrado por anos, infelizmente


A primeira aparição do Sevilla de Vincenzo Montella em casa foi um completo desastre: o técnico italiano viu seus comandados sofrerem uma das derrotas mais absurdas da história do clube. Sevilla 3 x 5 Betis mostra o que é o time atual: desordenado, confuso e ansioso. Poucos resultados podem gerar consequências tão graves como esse para um treinador (e um presidente).


O Betis tem seus méritos, principalmente pela proposta ousada. Mesmo com um retrospecto recente patético, o clube verde e branco apostou em uma marcação pressão e, graças a ela, conseguiu um resultado importante. Isso à parte, o Sevilla ofereceu bastante espaço em sua defesa para que o Betis conseguisse esse placar.


Na verdade, é difícil comentar a respeito de uma partida desse tipo, visto que o resultado é muito marcante. Há pelo menos 10 anos o Sevilla dominava completamente esse tipo de confronto, aplicando uma superioridade indiscutível. Até derrotas curtas eram motivo de incômodo para o sevillista.


Evidentemente, o que aconteceu hoje foi muito forte, chocante, para o clube como um todo. Se o Sevilla de Montella conseguir ainda uma reação, na temporada, após o que aconteceu nesta noite de sábado, será um milagre. Esse tipo de jogo condiciona uma temporada e uma passagem de um técnico.


Montella, infelizmente, já está na história.