Com o United pela frente, Sevilla precisa de 5 contratações cirúrgicas

Getty Images
Getty Images

Krychowiak, Vidal e M'Bia: Sevilla precisa voltar a ter animais competitivos


Vivendo sua maior crise em anos, o Sevilla precisa contratar. Pepe Castro e Oscar Arias, pressionados, sabem que o elenco precisa de soluções urgentes. Guilherme Arana chegou, mas não será suficiente. Desta forma, o blog aponta 5 contratações que fariam com que a dinâmica do clube se modificasse e o confronto contra o United, pela Champions, fosse enfrentado com um mínimo de dignidade. Vejamos:


Grzegorz Krychowiak


bestia fisica daria resultado imediato e é exatamente o que o Sevilla precisa. Basta de tanto jogador sem físico, tanto jogador de toque de lado, tanta mentira. Krychowiak aportaria combatividade, competitividade e compromisso com o clube. 


Perdido em clubes que não fazem sentido para ele, o polaco deveria ser a prioridade máxima para um vestiário rechado de jogadores frágeis mentalmente e sem disposição. 


Aleix Vidal


Por mais que o Barcelona esteja exigindo demais (13 milhões são muitos), Aleix Vidal é outro jogador que tem tudo para render em alto nível, caso retorne. Outro jogador marcado pela sua competitividade e por passado glorioso pelo clube.


Vidal foi a grande surpresa da escalação de Unai Emery na semifinal da Europa League, contra a Fiorentina de Montella, que terminou com um massacre sevillista (5-0 no total).


Outro que já deveria estar em Nervión.


Michy Batshuayi


Enfeitiçado pelas ideias do rapsoda Sampaoli e seu sucessor pouco afortunado (Berizzo), o Sevilla está repleto de jogadores sem físico, descaracterizando seu elenco. A chegada de Batshuayi, quase certa, faria com que o time ganhasse mais presença ofensiva e oportunismo.


O Sevilla precisa de músculo.


(Insira aqui goleiro pegador de pênaltis e louco)


Outra posição que o Sevilla precisa de um reforço: portería. Depois de ter um monstro como Palop e um exótico mas honrado Beto, a posição sofre com Sergio Rico e David Soria, goleiros sem personalidade.


Faz falta um goleiro que volte a impor respeito e que pegue pênaltis.


(Zagueiro rústico)


Outra posição que precisa urgentemente de um reforço: a zaga. Com a dupla Pareja-Carriço totalmente ausente, é necessário voltar a pensar em um jogador que saiba o que o torcedor do Sevilla deseja: seriedade, contundência e força física. 


Não precisa saber sair jogando nem ter bom passe. Basta saber defender.