Jogo contra o Fluminense é o clássico ideal para o Vasco

www.vasco.com.br
www.vasco.com.br

Paulinho e seus companheiros terão um bom teste contra o Flu


Todo mundo sabe que a única coisa que dá graça aos Estaduais são os clássicos. São os jogos que movimentam multidões – algumas vezes pelo menos – e trazem a emoção que os confrontos contra os times de menor expressão não trazem.


E neste Carioca, qualquer coisa que traga graça e emoção para a disputa merece ser valorizado. Mesmo que o clássico seja numa noite de quarta, num horário em que muitos torcedores nem conseguirão ter saído do trabalho e fora do, ainda, maior estádio da cidade, a Arena Maracanã.


Mas o Vasco x Fluminense de hoje é mais importante para nós que para levantar a moral do campeonato (o que, convenhamos, é uma tarefa ingrata). Importante não só porque uma vitória vai nos deixar bem na fita na Taça Rio, mas também porque a rivalidade do clássico trará um nível de exigência que o time do Zé Ricardo está precisando há algum tempo.


Encarar um adversário que não pensará apenas em se defender servirá como um teste tanto para a defesa – que será mais exigida – quanto para o ataque, que deverá ter mais espaços para mostrar serviço. Ou seja, será um adversário, guardadas as devidas proporções, mais próximo do que encararemos na Libertadores.


O Fluminense remodelado pelo Abelão ainda oscila (vide a derrota para o Avaí em casa), mas certamente nos dará mais trabalho que os Boavistas e Macaés da vida, que já nos deram um suadouro inesperado. Mesmo que não se possa dizer que seja um teste de nível continental, dentro de uma competição como o Carioca, o tricolor é o clássico ideal para o momento do Vasco.


VASCO X FLUMINENSE


Local: Engenhão


Horário: 19h30 (de Brasília)


Árbitro: Daniel Victor Costa Silva (RJ)


Assistentes: Michael Correia (RJ) e Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá (RJ)


VASCO: Martín Silva, Yago Pikachu, Frikson Erazo, Paulão e Henrique; Leandro Desábato, Wellington, Wágner, Evander e Paulinho; Andrés Rios. Técnico: Zé Ricardo.


FLUMINENSE: Júlio César, Gum, Renato Chaves, Roger Ibañez, Gilberto, Richard, Jadson, Sornoza, Marlon, Marcos Júnior, Pedro. Técnico: Abel Braga.