Mistério do Zé pode ser trunfo para o Vasco contra La U

www.vasco.com.br
www.vasco.com.br

Zé Ricardo já sabe a escalação do Vasco, mas mantém o mistério na estreia pela fase de grupos da Libertadores


Enquanto escrevo esse post, na noite anterior à estreia do Vasco na fase de grupos da Libertadores contra o Universidad de Chile, Zé Ricardo ainda não confirmou o time que entrará em campo contra os chilenos. Os titulares já estão definidos, mas o técnico vascaíno preferiu manter o mistério.


Apesar de um repentino surto viral que acometeu parte elenco, Zé terá todos os jogadores que quer relacionar à sua disposição. Com isso, as maiores dúvidas ficam sendo qual o esquema será utilizado e quem virá no meio e no ataque.


O mistério, claro, é para tentar surpreender La U. A forma do Vasco jogar no 3-5-2 é bem diferente do 4-4-2. Assim como o time adquire características diferentes entre com o Rildo ou com o Paulinho. Evander ou Thiago Galhardo na função de principal armador do time também diferem bastante. As possibilidades acabam sendo um trunfo para nós.


Mas é claro que surpreender o adversário dependerá de muito empenho. Zé e seus comandados não podem esquecer que do outro lado há um time forte, cheio de jogadores com passagem na seleção chilena e que está na vice-liderança do seu campeonato nacional. O Universidad não é, de maneira nenhuma, um adversário que se possa ter desatenção ou falta de disposição. Mesmo com o Rafael Vaz e o Felipe Seymour como titulares.


Caindo naquele que provavelmente é o grupo mais difícil da competição, tivemos ao menos a sorte de fazer o primeiro jogo em casa e contra aquele que é, teoricamente, a terceira força desse possível “grupo da morte” (e todos sabem quem a imprensa esportiva já decretou como sendo o time mais fraco, claro). Por isso, uma vitória hoje é mais que importante, é vital para que ficarmos mais próximos das oitavas-de-final da competição. Seria um início com DOIS pés direitos: terminar a primeira rodada empatado no topo da tabela com o Racing, além de nos dar mais moral para os outros confrontos, também joga um pouco mais de pressão pra cima dos nossos futuros adversários.


VASCO X UNIVERSIDAD DE CHILE


Local: São Januário


Horário: 21h30 (de Brasília)


Árbitro: Daniel Fedorczuk (Uruguai)


Assistentes: Carlos Pastorino (Uruguai) e Gabriel Popovits (Uruguai)


VASCO: Martín Silva, Werley, Frickson Erazo e Paulão; Yago Pikachu, Leandro Desábato, Wellington, Wágner e Henrique; Rildo e Duvier Riascos. Técnico: Zé Ricardo.


UNIVERSIDAD DE CHILE: Johnny Herrera, Christian Vilches, Rodrigo Echeverría e Alejandro Contreras; Matías Rodríguez, David Pizarro, Felipe Seymour e Jean Beausejour; Yeferson Soteldo, Mauricio Pinilla e Gustavo Lorenzetti. Técnico: Guillermo Hoyos.