Vasco encara Voltaço com a dura missão de nos fazer esquecer os juniores

www.vasco.com.br
www.vasco.com.br

Moresche, Allan e Andrey observam o treino antes da partida contra o Voltaço: vindos da base, em breve podem ter a companhia de alguns juniores no elenco


Um dia depois da garotada do Vasco ter se classificado para a final daquele campeonato de base que acontece em São Paulo - não cito e nem vejo os jogos para não dar azar -, os profissionais voltam ao campo para a segunda rodada da Taça Guanabara, contra o Volta Redonda (curiosamente, o clube que a molecada vascaína eliminou nas quartas de final da competição citada acima).


Mas é hora de esquecer um pouco nossos juniores, por mais que a equipe esteja enchendo os olhos de quem tem acompanhado o time. Aliás, é exatamente por estar encantando os vascaínos é que devemos tirar os garotos da cabeça, já que os profissionais ainda estão longe de mostrar o futebol que a equipe muito bem comandada pelo técnico Marcos Valadares vem exibindo.


Claro que devemos dar o devido desconto aos marmanjos, pela insuficiente pré-temporada que tiveram. E até algum crédito, já que estrearam com vitória e nem jogaram tão mal quanto se poderia esperar contra o Madureira. E como jogaremos dessa vez em casa, sem o sol senegalês de Conselheiro Galvão na cabeça e, raridade, Valentim deve conseguir repetir a escalação da primeira rodada, temos tudo para mostrar alguma evolução diante do Voltaço.


Uma vitória hoje nos deixará muito bem encaminhados na briga por uma vaga na semifinal da Taça Guanabara. Como o Americano, que divide a liderança conosco, pega o Fluminense, as chances de terminarmos a rodada isolados na frente são grandes. Isso já deve servir como motivação para o time do técnico-galã. Mas se não for, que os profissionais coloquem suas barbas de molho: tem uma garotada arrebentando em São Paulo que vai chegar atropelando quando voltar à Colina. Quem tiver aquela atuação meia-boca pode acabar perdendo a vaga no time para um júnior.



VASCO X VOLTA REDONDA


Local: São Januário


Horário: 21h30 (de Brasília)


Árbitro: Grazianni Maciel Rocha


Assistentes: Thiago Gomes Magalhães e Thiago Rosa de Oliveira


VASCO: Fernando Miguel; Raúl Cáceres, Werley, Leandro Castan e Danilo Barcelos; Raul, Lucas Mineiro, Dudu, Yan Sasse e Marrony; Ribamar. Técnico: Alberto Valentim.


VOLTA REDONDA: Douglas Borges; Roger, Daniel Felipe, Heitor e Luiz Paulo; Bruno Barra, Bileu, Marcelo e Douglas Lima; João Carlos e Wandinho. Técnico: Toninho Andrade.